Revista RioGourmet - O Guia Gastronômico da Cidade

Aguarde, carregando...

Chocolate rosa? Conheça o Ruby, sem corantes e aromatizantes.

Chocolate rosa? Conheça o Ruby, sem corantes e aromatizantes.
Redação Rio Gourmet
Por: Redação Rio Gourmet
Dia 11/10/2019 16h46

Saiba mais sobre o chocolate rosa: a grande e deliciosa tendência gastronômica de 2019.

Chocolate rosa? Conheça o Ruby, sem corantes e aromatizantes.

Diferente dos demais chocolates coloridos, o chocolate ruby possui naturalmente a sua cor rosa – ele não recebe adição de corantes ou aromatizantes para adquirir a tonalidade. A última cor de chocolate descoberta foi a branca, nos anos 30. Desde então, não havia uma novidade como essa no mercado de chocolates.

Esse novo tipo de chocolate estava em desenvolvimento há 10 anos e foi descoberto pela empresa suíça Barry Callebaut, que também foi a responsável por nomeá-lo. De acordo com seus desenvolvedores, esse chocolate é mais cremoso e frutado. No que diz respeito à harmonização, ele não é tão fácil de ser combinado como o chocolate tradicional, mas cai bem com frutas vermelhas e chocolate amargo.

O chocolate Ruby, além de sua coloração naturalmente rosada, possui 47,3% de teor de cacau, praticamente a mesma de um meio amargo. Apesar disso, sua textura é semelhante à do chocolate branco, por conta da quantidade de gordura parecida (em torno de 36%). 

Do que é feito?

Chocolate rosa? Conheça o Ruby, sem corantes e aromatizantes.

O chocolate rosa, assim como o chocolate tradicional, é feito de cacau. No entanto, o tipo usado para a produção é o cacau rubi. Esse cacau é uma variação da fruta que possui sementes de cor rosa devido às condições do local, como umidade, temperatura e exposição ao sol. O motivo da mudança de cor é a maior quantidade de flavonoides, pigmentos que têm como função a proteção das plantas contra danos oxidativos.

O cacau rubi pode ser encontrado em quantidades significativas no Brasil, Equador e Costa do Marfim. Além da semente do cacau, é realizado um processo de fermentação diferente para que o chocolate não perca a coloração natural.

 

Veja também:

Confira mais artigos relacionados e obtenha ainda mais dicas do mundo gastronômico.