NAHUEL VILLEGAS – EXPERT NA GASTRONOMIA MEDITERRÂNEA

NAHUEL VILLEGAS – EXPERT NA GASTRONOMIA MEDITERRÂNEA

Carioca criado em Niterói e no mundo da gastronomia desde 2007, o chef Nahuel Villegas tem em seu currículo restaurantes da alta gastronomia da Zona Sul do Rio de Janeiro, como o Belmond do Copacabana Palace e Quadrifoglio. Com seu ótimo conhecimento da culinária mediterrânea, recriou clássicos da gastronomia para a Casa Momus, no Centro Histórico Antigo do Rio, onde está desde 2017.

Nahuel, que se inspira nos grandes chef contemporâneos, vive em constante evolução. “Aprendi a cozinhar com a minha família e fui me aperfeiçoando depois na faculdade e nos locais que trabalhei”, conta o chef.

“Para mim, cozinhar é um estilo de vida, uma grande demonstração de afeto. Minha paixão.” Além da gastronomia, suas paixões incluem: sua esposa, sua filha e o Vasco!

Abaixo, ele compartilha com os leitores da Revista Rio Gourmet a receita do famoso tiramisú.


Tiramisù – Chef Nahuel Villegas

INGREDIENTES:

Creme

3 ovos

350 g mascarpone

240 g açúcar

1 kg  creme de leite

50 ml licor de café

Pão de ló (pode ser substituído por biscoito champanhe sem açúcar)

4 ovos

120 g açúcar

120 g farinha de trigo

1 café

MODO DE PREPARO:

Creme

Separar as gemas e peneirar. Bater com 100gr do açúcar até obter uma mistura homogênea e clara. Bater o creme de leite fresco até o ponto de chantilly com o restante do açúcar e reservar. Incorporar a mistura de gemas peneiradas ao licor de café, mascarpone e chantilly, nessa ordem lentamente. Reservar refrigerado.

Pão de ló

Levar os ovos e açúcar ao fogo baixo mexendo sempre até atingir a temperatura de 60°c.

Passar essa mistura para uma batedeira e bater por 10 min em velocidade alta. Acrescentar a farinha lentamente com uma espátula. Untar uma forma assar a 180°c por 20 min.

MONTAGEM

Pão de ló

Creme

Cacau em pó

Montar as camadas nessa ordem:

Molhar levemente o pão de ló no café. Acrescentar o creme. Povilhar o cacau em pó. Repetir essa sequência duas vezes.

“O tiramisú é um doce em camadas e pode ser montado em refratários grandes pra compartilhar ou em canecas/copos individuais. Na Casa Momus utilizamos copos de 300ml e nosso rendimento com essa receita é de dez unidades”.